fbpx

Maceió: As melhores dicas de restaurantes

Onde comer em Maceió: veja agora as melhores dicas de restaurantes!

Ao planejar uma viagem para o Nordeste, uma das coisas que logo vem
a cabeça é a possibilidade de comer bastante frutos do mar e deliciosas
comidas típicas como peixe, lagosta, camarão, queijo coalho. Só de imaginar,
dá logo água na boca, não é mesmo?

A melhor parte disso tudo é que diversos restaurantes na cidade além de
oferecer pratos deliciosos, contam com preços bem razoáveis.

Agora, confira as dicas de restaurantes em Maceió para aproveitar o
melhor da comida local. Veja só!

Onde comer em Maceió?

Para começar a sua viagem com o pé direito, não deixe de iniciar o seu
roteiro gastronômico experimentando alguma comida regional e veja abaixo a
lista com alguns restaurantes incríveis da cidade.

Bodega do Sertão

Esse é um dos restaurantes mais famosos de Maceió e pode ser a
opção ideal para começar o seu tour pelos restaurantes da cidade. A culinária
do lugar é incrível e precisa constar na sua lista de qualquer maneira.

O Bodega do Sertão oferece o melhor da comida regional então você
escolher diferentes pratos típicos para experimentar.

Além disso, um dos pontos fortes do restaurante é a decoração. O lugar
conta com um ar rústico, ornamentações tipicamente nordestinas e várias
referências culturais. O restaurante funciona como self-service e ainda tem
muitas opções de pratos.

Onde fica?
Av. Dr. Júlio Marques Luz, 62 – Jatiúca

Picuí

Para você que adora carne de sol ou deseja experimentar, não deixe de
ir até o Picuí que é um dos restaurantes em Maceió mais tradicionais além de
ser uma referência gastronômica.

Localizado em Jaraguá, o restaurante oferece a carne de sol como um
de seus pratos principais onde a carne é servida em diferentes formas como de
filé mignon ou picanha, por exemplo, e ainda vem com vários
acompanhamentos.

Além do mais, outros pratos deliciosos como pão de alho, picanha de sol
com queijo coalho e picanha assada estão disponíveis no cardápio. Anote na
lista e não deixe de ir até lá!

Onde fica?
Av. da Paz, 1140 – Jaraguá

Janga

Se você deseja pratos de frutos do mar, o restaurante Janga é uma
ótima opção principalmente para quem procura por pratos um pouco mais
requintados ou até mesmo um lugar para uma comemoração especial, devido o
preço ser um pouco acima da média da cidade.

O Janga está localizado em Ponta Verde e apesar de o ambiente ser
mais aprimorado, é bem agradável e em seu cardápio tem pratos variados que
agradam pessoas de diferentes gostos.

Onde fica?
Rua Gen. João Saleiro Pitão, 1296 – Ponta Verde

Imperador dos Camarões

Para quem adora camarão, não deixe de ir até esse restaurante em
Maceió. O Imperador dos Camarões oferece bastante variedade de pratos no
cardápio então pode ser uma boa oportunidade de desfrutar algum prato com
um camarão diferenciado.

Além do mais, no restaurante tem opções de pratos para serem
compartilhados e ainda outros para aqueles que não curtem camarão. A
comida é bastante elogiada e merece a sua visita.

Onde fica?
Travessa Antônio Gouveia, 21 – Pajuçara

Viu só? Agora que você já sabe onde comer em Maceió, combine dias
de praia e sol com a apreciação do melhor da comida regional. Aproveite!

Salvador – BA

De clima carnavalesco, um dos pontos mais famosos do Brasil. Quem nunca sonhou conhecer o carnaval de Salvador? Gringo ou brasileiro, todo mundo tem um samba de axé no pé. Venha mergulhar com a gente neste paraíso baiano!

 Neste artigo, vamos falar um pouco dos pontos turísticos mais famosos de Salvador. Não perca!

PONTOS TURÍSTICOS

 A cidade mais energética da Bahia: Salvador. Afinal, é um dos pontos turísticos mais conhecidos pelo mundo. Portanto, Salvador promete apresentar muitos pontos turísticos, tradições culinárias, musicais e toda a raiz afro-brasileira.

 Capoeira, óleo de dendê e uma boa dose de pimenta são a cara da Bahia. Inclusive, Jorge Amado faz parte dessa riqueza de literatura e cultura colonial.

 Pelourinho

 O bairro situado no centro histórico de Salvador, com ruas super coloridas, que nos remetem um pouco do passado, quando ainda não existia agências de correio eficientes e as casas eram reconhecidas pelas cores.

 Portanto, o Largo do Cruzeiro, situado em Pelourinho, é um dos grandes atrativos da região. Uma visão de muitos paralelepípedos, edifícios coloniais e o Museu Afro-Brasileiro.

Dá para passar em Salvador e não conhecer as ruas de Pelourinho? Impossível.

 Literalmente Jorge

 Romances que retratam Salvador e a Bahia. Assim foi Jorge Amado, um literário que dividiu sua casa com sua família. Atualmente, a casa é um museu chamado “A Casa do Rio Vermelho”, no bairro de a beira-mar.

 Artes, biblioteca, cartas e muitas obras incríveis desse ícone tão amado quanto o nome. Afinal, ele era brasileiro e ainda mais, baiano.

O que fazer para comer?

 Mais família

Se você deseja encontrar um ambiente acolhedor, mesmo que por um preço mais salgado, o Restaurante da família Guerra pode fazer você delirar com seu menu com requintes sofisticados e de cozinha tradicional da família.

Através de um menu com massa de mezzaluna, molho de damasco e queijo gorgonzola, e também, outra opção como trouxinhas de carpaccio, maços de carne recheados com ricota, pesto e parmesão, é de dar água na boca.

 Prepare o bolso! Um jantar para dois custa mais de R$ 250,00.

 Mercado Modelo na Cidade Baixa

 Na orla da feira de São Joaquim, um mercadão de frutas, carnes e órgãos, além de ervas medicinais e as famosas iguarias do território baiano.

 De fato, artesanato também não vai faltar. Portanto, não se esqueça de experimentar o famoso mocotó que pode ser encontrado nos restaurantes à beira-mar.

 Itapoã

 Antiga casa de Vinicius de Moraes, lá você pode degustar os melhores frutos do mar, sendo seu banquete por apenas R$ 129,00. Aperitivos de mariscos, ostras gratinadas e risoto de polvo. Uau! Já estamos com muita fome. Há exatamente 15 minutos da Praia do Flamengo, pode passar o dia em clube à beira-mar. Muito espaço para curtir o calor e tomar um sol, dá pra pegar um ônibus para essa linda maravilha local.

Carnaval de Salvador

 Não podemos passar por Salvador sem falar do Carnaval. O nordeste brasileiro, inclusive, principalmente Salvador, tem uma cultura de raiz africana e muitos negros no local.

 Portanto, o Olodum é um exemplo de cultura que traz muito cor e origem da linda cor da pele negra. No ritmo da essência brasileira, festivais e um tanto quanto de um gingado de capoeira.

 O carnaval é conhecido mundialmente, sendo celebrado por diversos artistas em trios lotados de pessoas que resolvem pegar a viagem, usar seu abadá e fazer folia.

 Alojamento

 Para economizar na sua viagem, o bairro do alojamento possui tudo o que nós precisamos. Ou seja, restaurantes, vida noturna e praias. Portanto, alugar um apartamento não deve ser tão caro por lá.

O sabor da cozinha baiana  

Salvador é um dos pontos turísticos que vai trazer uma variedade no seu cardápio, através de opções maravilhosas como: Acarajé, moqueca, ensopado de peixe, lanche de feijão frito e camarão e muito óleo dendê. Quanta riqueza em um só lugar!

 Cocada, doce de coco e muito bobó de camarão. Uau! Afinal, são muitos pratos queridinhos da Bahia. Escondidinho de siri, massa de ervilha e uma infinidade de frutos do mar apimentados.

 Gastronomia B-vegana

 Uma grande variedade de hambúrgueres de dar água na boca, pizzas e bolos incríveis, tudo ao natural e, o melhor de tudo, sem carne.  

 Coliseu

 O Coliseu é um buffet vegetariano. Uau! Além de jantar, você pode assistir um belo show e provar um pouco da capoeira com muita música ao vivo e danças típicas.

 As praias de Salvador e os melhores pontos turísticos

 Curtir um sol em Salvador, um dos pontos turísticos mais movimentados do Brasil brasileiro. Portanto, vamos ver um pouco das praias salvadoras da nação.

 Porto da Barra

 Um pôr-do-sol indescritível, águas cristalinas e uma das melhores praias do mundo. Ou seja: o sol se põe sob o mar. Não poupe aplausos! É incrível.

 Praia da Ondina

 Nobreza em um único lugar, em conjunto com uma bela natureza, conforto e tranquilidade. Isto é: um mix de piscinas naturais rochosas muito refrescantes.

 Uma praia com uma infraestrutura maior, com certeza, vai te deixar encantado.

 Praia do Flamengo

 Um toque de requinte com os condomínios que nos trazem conforto e uma infraestrutura maior. Definitivamente, não vai faltar o que fazer! Duchas, espaço infantil e massagens que vão propiciar um descanso total.

Você já foi à Salvador?

 Conta aqui pra gente qual foi o seu lugar favorito. Mas se você ainda não foi, compre logo suas passagens e vamos embarcar nessa mistura de cor, gingado e muita alegria.

 Esperamos que tenham gostado.

 Boa viagem!

Quero ver uma promoção para Salvador!

Gastronomia Pernambucana

 GASTRONOMIA PERNAMBUCANA – O que é imperdível?

Vai viajar para Pernambuco? Não deixe de conhecer a gastronomia pernambucana. Além de deliciosa,
possui ingredientes e preparos únicos que farão você com certeza repetir a receita quando voltar pra
casa.

A gastronomia Pernambucana tem influencia europeia e africana, agregando sabores de ingredientes
regionais, fazendo com que os pratos tenham características bem diferentes do restante do Brasil. Além
disso, Pernambuco também é responsável pela produção de mais de 15% dos vinhos nacionais.
Você sabia que a feijoada nasceu lá?

Conheça os melhores pratos da Gastronomia Pernambucana
Aqui deixamos nossas dicas do que é imperdível, para que você tenha a melhor experiência
gastronômica possível nesse estado cheio de riquezas naturais e culturais!

Bolo de rolo

É um bolo feito com massa simples (farinha, ovos, manteiga e açúcar) que hoje é um dos símbolos
pernambucanos. Você pode encontra-lo em toda a parte, até mesmo embalado para presente nos
aeroportos.

Você poderá encontra-lo também com diversos recheios, porém o mais tradicional é de goiabada. Uma
delícia que você só encontra nesse estado!

Chambaril

Também conhecido por ossobuco em outras partes do Brasil e também na Itália, é uma carne com osso
(o corte da carne é logo abaixo do joelho do boi), cozida com legumes e bem temperada. Em
Pernambuco ainda se acrescenta farinha de mandioca.
Esse é um daqueles pratos para todos os paladares, portanto não deixe de provar.

Bolo Souza Leão

Sabia que esse bolo é um dos mais antigos do país? É um bolo cremoso originário da família Souza Leão
do Brasil.

É um bolo que leva basicamente gemas, leite de coco e massa de mandioca, além dos ingredientes
convencionais para preparar um bolo (açúcar, água e manteiga).

Tapioca

Tapioca, que é um alimento extraído da mandioca, já é conhecida no Brasil todo e vem se popularizando
também no mundo fitness, por ser uma ótima aliada na substituição do pão.
Em Pernambuco você encontra uma variedade enorme. Elas podem ser recheadas de carne de sol,
frango ou somente untadas com manteiga, que é uma delícia. Além disso, há versões doces, como leite
condensado e coco, que é impossível não comer mais de uma.

Munguzá

Pode chamar também de canjica (a maravilha das festas juninas), porém essa é uma sobremesa que leva
dois tipos de milho: o amarelo e o branco (diferente da canjica tradional). Os grãos são cozidos em uma
mistura de leite de coco, leite de vaca, açúcar e canela. Simplesmente deliciosa.

Imagino que depois dessa seleção você já deve estar com água na boca. Não é pra menos, já que a
gastronomia de Pernambuco (no caso, Recife), está em primeiro lugar como polo gastronômico do
nordeste e terceiro do Brasil.

Não deixe de experimentar, já que viagem sem imersão cultural não é viagem.

Fotos:

Bolo de Rolo

Tapioca